Tom de voz da marca: O que é e o que ela representa?

Sua marca tem voz própria? Toda empresa possui uma personalidade e ela pode ser o fator decisivo para definir o diferencial competitivo da sua empresa. Se expressar de maneira autêntica é essencial para criar uma conexão com as suas personas através dos seus canais de distribuição (site, blog, redes sociais, etc) e é para isso que utilizamos o tom de voz da marca.

O tom de voz da marca é a alma da comunicação e deve estar muito bem representado em todos os pontos de contato com o cliente. Ele precisa estar conectado diretamente com os princípios e a personalidade da marca, afinal, a forma como você fala com seu público e seus clientes é fundamental para que a relação de vocês dê certo.

A essência da mensagem

A essência da mensagem é aquele fio condutor que conecta toda a comunicação da marca. Cada meio tem as suas próprias características, mas a essência deve ser a mesma em todas as peças, textos, atendimentos, etc.

Todos os pontos e lugares em que o consumidor possa ter contato com a marca merecem mais atenção na hora de construir qualquer forma de comunicação, os pontos de contato devem estar alinhados com a essência da marca, caso contrário, ele pode estranhar e até duvidar da reputação da empresa.

O uso de personagens

Algumas empresas optam por utilizar um personagem para se comunicar com os consumidores, um exemplo é o Chester Cheetah, dos salgadinhos Cheetos. O mascote interage com o público através de brincadeiras, utiliza gírias e a linguagem visual da marca conversa com as mensagens transmitidas. 

A principio, é para isso que o tom de voz deve ser definido, afinal, você consegue imaginar o Chester conversando de forma formal e “certinha”?

Como o tom de voz é definido

Quando você decide começar um negócio, existem algumas etapas que devem ser cumpridas e elaborar a comunicação da empresa é uma delas (inclusive deve ser a primeira coisa a ser pensada), porque ela será o guia para a organização do negócio.

Personas

A primeira coisa é entender com quem estamos falando e quem será atingido pela empresa. A criação das personas do negócio é, resumidamente, criar o cliente ideal do negócio. Traçar o perfil do cliente mais comum servirá para guiar decisões e ações de marketing, baseado em comportamentos e escolhas reais que os compradores têm da marca. 

Relacionar a persona à marca

Neste momento é importante realizar perguntas como “O que as pessoas devem sentir ao se relacionarem com a marca?”, “O que devem pensar da empresa?”, “Quem são meus concorrentes e o que eu tenho de diferencial?”, “Quais marcas não queremos nos aproximar?”. 

Isso ajuda muito a definir o tom de voz, pois, para atender às necessidades de comunicação da marca você deve ser mais autoritário? Compreensivo? Engraçado?

Testes são importantes

Quando o tom de voz da marca já está definido, é importante realizar alguns testes. Frases e peças-chaves que reflitam diretamente a voz definida podem ser usadas com alguns grupos de testes que tenham pessoas que representam o público-alvo da empresa. Assim, entender quais foram as impressões desse grupo é, acima de tudo, essencial para aprimorar ainda mais o tom de voz, afinal, as respostas eram as esperadas ou não? O que pode ser feito para melhorar?

Manual para os funcionários

Se a empresa contar com muitos funcionários, é interessante montar um manual para que todos os funcionários da empresa entendam o que a empresa é, como ela se posiciona e como se comunica.

Além disso, o manual deve conter todas as informações que possam refletir a personalidade da empresa, não só imagens bem como palavras e imagens que definem todo o conceito do negócio. Aqui é importante garantir que todos os pontos sejam consistentes e coerentes com o tom de voz da marca.

Após todas essas informações, fica claro que o tom de voz da marca é como o negócio se comunicará com o público, certo? Ele é que definirá todas as ações da empresa e, para isso, é importante que a construção da persona do negócio seja muito bem feita.

Saber como falar com quem está do outro lado é uma das missões mais complicadas na gestão de marcas e é um dos pontos em que muitas marcas falham. Mantendo um tom uniforme em todas as comunicações, o público entenderá o que a marca representa e os pontos em comum que ela compartilha com o público-alvo.

GOSTOU DESTE CONTEÚDO? TEMOS OUTROS ARTIGOS EM NOSSO BLOG QUE PODEM TE INTERESSAR:

Postado por

Especializada em desenvolvimento para internet e assessoria de marketing digital, links patrocinados e inbound marketing.

Deixe uma resposta